Fórmula 1

Grosjean e as diferenças na F1: “É como pedir ao Federer para ir a Roland Garros com uma raquete de ping-pong”

Romain Grosjean afirma “não ter tanta certeza” de que a Fórmula 1 é um desporto, comparando as diferenças competitivas entre as equipas com um Roger Federer a participar no torneio de ténis de Roland Garros “com uma raquete de ping-pong”.

O piloto francês, campeão da Fórmula 3 e da GP2 Series, completou 164 corridas ao longo dos últimos 11 anos na Fórmula 1, somando dez pódios e chegando perto da vitória em 2012 e 2013.

Quando lhe perguntaram se estava preparado para abandonar o desporto sem uma vitória no seu currículo, Grosjean respondeu: “Pode acontecer.”

“Já tive a sorte de estar 10 vezes no pódio. Acredito que devia ter ganho dois Grandes Prémios [Europa 2012 e Alemanha 2013], mas as coisas não correram bem para mim.”

“Dizemos que a Fórmula 1 é um desporto, mas será mesmo um desporto? Não tenho tanta certeza. É um espetáculo. Um desporto deve ser justo e a Fórmula 1 não é justa.”

“É muito físico conduzir um carro de Fórmula 1, é difícil e exige muito esforço, mas é como pedir ao Roger Federer para ir a Roland Garros com uma raquete de ping-pong. Ele não terá hipótese.”

“E diriam que o ténis era um desporto se eles não estivessem todos com as mesmas raquetes ou se o court fosse mais largo de um lado do que do outro?”

Para exemplificar o seu ponto de vista em relação à Fórmula 1 atual, Grosjean mencionou a temporada de estreia de Daniel Ricciardo com a Renault.

“Olhem para o Daniel Riciardo. Ele nem sequer conseguiu um pódio com a Renault”, acrescentou. “Mas já ganhou corridas e é um ótimo piloto. Tudo depende do que tiveres nas mãos.”

Clique para comentar

Responder

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Últimas Notícias

Fundado em 2012, o F1PT surgiu com a missão de levar toda a informação sobre o mundo da Formula 1 aos portugueses e países de língua portuguesa.

Com o objetivo de sermos líderes na cobertura do pináculo do desporto motorizado, comprometemos-nos a apresentar o máximo de conteúdo disponível nunca sacrificando a qualidade do mesmo.

Disclaimer

F1PT is not affiliated with Formula 1, Formula One Management, Formula One Administration, Formula One Licensing BV, Formula One World Championship Ltd or any other organisation or entity associated with the official Formula One governing organisations or their shareholders.

Copyrighted material used under Fair Use/Fair Comment.

Facebook

Copyright © 2017 F1PT.

Topo