Fórmula 1

Os principais marcos que os pilotos podem atingir na Fórmula 1 em 2018

2017 foi um ano marcado por novos recordes estabelecidos na Fórmula 1, mas os livros da história podem ser novamente reescritos na temporada que está prestes a começar.

Hamilton pode bater recorde de pontos consecutivos de Raikkonen

Foi no Grande Prémio da Malásia de 2016 que Lewis Hamilton ficou fora dos dez primeiros pela última vez. Desde então, o britânico leva uma incrível sequência de 25 corridas a pontuar e está muito perto do recorde estabelecido por Kimi Raikkonen entre 2012 e 2013, com o finlandês a ter terminado entre os 10 dez primeiros por 27 vezes consecutivas.

O recorde que Hamilton poderá estar prestes a bater demonstra também a consistência e fiabilidade da Mercedes na era V6 turbo híbrida.

Três pilotos a caminho dos 100 pódios

Sebastian Vettel, Kimi Raikkonen e Fernando Alonso estão perto de alcançar os 100 pódios na Fórmula 1, um feito até agora conseguido apenas por Michael Schumacher, Lewis Hamilton e Alain Prost.

O alemão da Ferrari é quem tem a vida mais facilitada nesse aspeto e pode chegar aos três dígitos já na Austrália. Por outro lado, o seu colega de equipa precisa de nove pódios e Alonso de três.

Mercedes pode juntar-se à Ferrari ao conquistar cinco títulos consecutivos

Os ‘flechas de prata’ têm dominado a era dos V6 turbo híbridos e chegaram ao título de construtores nos últimos quatro anos. Embora esta seja, só por si, uma conquista incrível, é algo que já foi feito anteriormente por Ferrari, McLaren e Red Bull.

No entanto, se Lewis Hamilton e Valtteri Bottas somarem os pontos necessários para que a Mercedes volte a sagrar-se campeã no final de 2018, a equipa juntar-se-á à Ferrari no clube dos que alcançaram cinco títulos consecutivos.

Fórmula 1 pode ter novo pentacampeão no final do ano

Durante 45 anos, Juan Manuel Fangio foi o único piloto a contar com cinco títulos de campeão do mundo na Fórmula 1. Em 2002, Michael Schumacher igualou o argentino e nos dois anos seguintes elevou ainda mais a fasquia.

Depois de uma temporada de 2017 marcada pela luta entre Lewis Hamilton e Sebastian Vettel – onde o piloto da Mercedes saiu por cima – ambos partem para Melbourne com quatro campeonatos conquistados.

Ao longo das 21 corridas que compõem o calendário de 2018, cada um tentará obter o seu quinto título para ingressar num patamar muito exclusivo da Fórmula 1.

Alonso tornar-se-á quarto piloto a participar em 300 Grandes Prémios

Em 2001, com 19 anos, Fernando Alonso estreava-se na Fórmula 1 com a Minardi. Este ano, com 36, o espanhol da McLaren está perto de se tornar o quarto piloto a atingir a marca das 300 corridas – seguindo os passos de Michael Schumacher, Rubens Barrichello e Jenson Button.

Em condições normais, o 300º Grande Prémio da carreira de Alonso será o do Canadá, no próximo mês de Junho.

Max Verstappen pode continuar a bater recordes de “mais jovem de sempre”

Quando as luzes se apagarem em Melbourne, Max Verstappen iniciará a sua 61ª corrida e a quarta temporada na Fórmula 1. No entanto, o holandês de 20 anos tem ainda tempo para bater mais alguns recordes.

Aquele que já é o mais jovem de sempre a vencer uma corrida, a pontuar, a subir ao pódio e a obter uma volta mais rápida pode ainda tornar-se o mais novo da história a conquistar uma pole position.

Esse é um recorde que pertence a Sebastian Vettel, que tinha pouco mais de 21 anos quando assegurou a primeira posição na grelha de partida para o Grande Prémio de Itália de 2008.

Claro que se Max Verstappen continua a poder bater recordes de juventude na Fórmula 1, o mesmo se pode aplicar a Lance Stroll, que é ainda mais novo do que o piloto da Red Bull. No entanto, o canadiano não deverá ter no Williams FW41 um carro à altura do RB14.

Clique para comentar

Responder

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Últimas Notícias

Fundado em 2012, o F1PT surgiu com a missão de levar toda a informação sobre o mundo da Formula 1 aos portugueses e países de língua portuguesa.

Com o objetivo de sermos líderes na cobertura do pináculo do desporto motorizado, comprometemos-nos a apresentar o máximo de conteúdo disponível nunca sacrificando a qualidade do mesmo.

Disclaimer

F1PT is not affiliated with Formula 1, Formula One Management, Formula One Administration, Formula One Licensing BV, Formula One World Championship Ltd or any other organisation or entity associated with the official Formula One governing organisations or their shareholders.

Copyrighted material used under Fair Use/Fair Comment.

Facebook

Copyright © 2017 F1PT.

Topo

Warning: call_user_func_array() expects parameter 1 to be a valid callback, function 'onAddScriptsHtmls' not found or invalid function name in /home/fptpt/public_html/wp-includes/class-wp-hook.php on line 286