Fórmula 1

Russell admite que ficaria “bastante chocado” se Williams escapasse às últimas posições na qualificação

Embora diga que a Williams não está tão má como parece após o primeiro dia de treinos livres, George Russell admite que seria uma surpresa se a equipa escapasse à última linha da grelha de partida e reconhece que o Grande Prémio da Austrália terá de ser abordado como um teste.

O atual campeão da Fórmula 2 foi 19º no segundo treino livre e Robert Kubica fechou a tabela de tempos com o outro Williams FW42.

“Não é perfeito, mas não diria que é tão mau como os tempos fazem parecer”, disse Russell. “Se me dissessem antes que estaríamos a cinco segundos, eu pensaria que o carro fosse muito difícil de controlar.”

“Obviamente temos melhorias e alterações a fazer, mas não acho que estejamos muito longe. Não foi um dos melhores dias em termos de tempos.”

“Estamos muito longe de todos os outros neste momento, mas sabíamos que isso ia acontecer. Sabemos que este fim de semana ia ser assim.”

Quando lhe perguntaram se a equipa poderá extrair algo mais do carro na qualificação, Russell respondeu: “Estamos a rodar com os mesmos níveis dos outros e temos algumas melhorias preparadas, tal como acontece em todas as equipas.”

“Ficarei bastante chocado se nos qualificarmos melhor do que a última linha da grelha.”

“Obviamente é uma experiência incrível competir no meu primeiro Grande Prémio, mas queremos ser competitivos e lutar, e neste momento estamos muito longe. São sentimentos mistos.”

“Penso que sabemos aquilo que irá acontecer este fim de semana. Sabemos que será muito difícil e quase precisamos de utilizar este Grande Prémio como um teste, para experimentar algumas coisas e melhorar o carro.”

Clique para comentar

Responder

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Últimas Notícias

Fundado em 2012, o F1PT surgiu com a missão de levar toda a informação sobre o mundo da Formula 1 aos portugueses e países de língua portuguesa.

Com o objetivo de sermos líderes na cobertura do pináculo do desporto motorizado, comprometemos-nos a apresentar o máximo de conteúdo disponível nunca sacrificando a qualidade do mesmo.

Disclaimer

F1PT is not affiliated with Formula 1, Formula One Management, Formula One Administration, Formula One Licensing BV, Formula One World Championship Ltd or any other organisation or entity associated with the official Formula One governing organisations or their shareholders.

Copyrighted material used under Fair Use/Fair Comment.

Facebook

Copyright © 2017 F1PT.

Topo