Fórmula 1

Hamilton admite que duvidou da estratégia que o levou a andar “sempre no limite” na Hungria

Lewis Hamilton admitiu ter ficado com muitas dúvidas no momento em que recebeu ordens da Mercedes para parar nas boxes pela segunda vez e afirmou que foi forçado a rodar no limite para superar Max Verstappen na Hungria.

Hamilton esteve perto de ultrapassar Verstappen em pista após as paragens nas boxes, mas quando os primeiros ataques não surtiram efeito, a Mercedes optou por mudar de estratégia e colocar pneus médios no carro do britânico.

Com 22 voltas para o final da corrida e a 20 segundos do Red Bull de Verstappen no Hungaroring, Hamilton bateu por várias vezes o recorde do circuito e aproximou-se rapidamente do holandês, acabando por ultrapassá-lo na 67ª de 70 voltas.

“Sinto-me cansado, que é como devia estar, mas estou muito grato por este dia e pela equipa por continuar a acreditar em mim e continuar a forçar os limites e a correr riscos”, disse Hamilton. “Estive sempre no limite.”

“Quando eles me disseram que íamos para uma estratégia de duas paragens, não consegui perceber como é que isso iria funcionar.”

“Pensei que conseguia levar os meus pneus até ao final e sabia que ele tentaria fazer o mesmo, por isso pensei que seria uma tarefa difícil e nem sequer tive tempo para pensar nos pneus que ia colocar.”

“Eles colocaram-me no pneu médio e não se senti muito bem inicialmente, mas depois melhorou. Ele começou a igualar os meus tempos e percebi que teria de começar a fazer voltas de qualificação, mesmo que os pneus não durassem.”

“Depois só tive de colocar qualquer dúvida fora da minha mente e seguir em frente. Teria sido um pouco frustrante se não desse certo, porque senti que teria várias oportunidades para o ultrapassar se tivesse continuado com os duros.”

Clique para comentar

Responder

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Últimas Notícias

Fundado em 2012, o F1PT surgiu com a missão de levar toda a informação sobre o mundo da Formula 1 aos portugueses e países de língua portuguesa.

Com o objetivo de sermos líderes na cobertura do pináculo do desporto motorizado, comprometemos-nos a apresentar o máximo de conteúdo disponível nunca sacrificando a qualidade do mesmo.

Disclaimer

F1PT is not affiliated with Formula 1, Formula One Management, Formula One Administration, Formula One Licensing BV, Formula One World Championship Ltd or any other organisation or entity associated with the official Formula One governing organisations or their shareholders.

Copyrighted material used under Fair Use/Fair Comment.

Facebook

Copyright © 2017 F1PT.

Topo